quinta-feira, maio 16, 2024
No menu items!
HomePoliticaPelo menos 18 vereadores de Manaus devem concorrer às eleições neste ano

Pelo menos 18 vereadores de Manaus devem concorrer às eleições neste ano

MANAUS – Dos 41 vereadores da Câmara Municipal de Manaus (CMM) pelo menos 18 vão concorrer a deputado federal ou estadual nas eleições de 2022. Os parlamentares devem oficializar as candidaturas até a próxima sexta-feira (5), data limite para realizar as convenções partidárias.

Caso sejam eleitos, os vereadores deixarão as vagas para seus suplentes, causando uma verdadeira ‘dança das cadeiras’ na Casa Legislativa.

No Avante, partido do prefeito David Almeida, os vereadores que devem concorrer a deputado federal são: o atual presidente da CMM, David Reis; Marcelo Serafim – eleito em 2020 pelo PSB; Marcel Alexandre – eleito pelo Podemos – e Lissandro Breval. Para deputado estadual serão candidatos: Eduardo Assis e Wanderlei Monteiro.

O primeiro suplente do Avante, que pode substituir David Reis, caso este ganhe a eleição, é o Presidente do Sindicato dos Mototaxistas do Amazonas, Rodinei Tamos. Ele também será candidato a deputado estadual.

O segundo suplente do Avante é Carlos Alberto conhecido como ‘Pai Amado’. Ele era seguido de Varlene Gonçalves, que mudou de partido, e de Mauro Animalesco, que foi assassinado em 2021. Outros suplentes são: Ronaldo Tabosa, Professor Junior Mar, Isaac Reis e Weiner Barbosa.

Leia mais: Às vésperas da eleição, vereadores vão dar medalha ao deputado Roberto Cidade
Caso o PSB ou o Podemos requeiram as vagas de Serafim ou Marcel Alexandre, os possíveis suplentes são Roberto Sabino (PODE), professora Renata (PODE) e Professor Ali Assi (PSB).

Deputado Serafim e o Professor Ali Assi (PSB)
Pelo Republicanos, vão concorrer a deputado federal: o vereador João Carlos, que foi o mais votado em 2020; e Rodrigo Guedes; este no entanto, foi eleito pelo PSC, e ainda não confirmou a pré-candidatura. Já o vereador Joelson Silva – eleito pelo Patriota – vai concorrer a deputado estadual.

Os três primeiros suplentes do Republicanos são os ex-vereadores Fred Mota e Amauri Colares, seguidos de Amauri Gomes Protetor. O primeiro suplente do Patriota é Saulo Garcia.

Pelo PSC, os vereadores Daniel Vasconcelos e Caio André vão concorrer a deputado estadual. Os dois primeiros suplentes do partido são a apresentadora Nath Nascimento e o pastor Frank Abílio. A segunda suplente era a delegada Débora Mafra, no entanto, ela mudou de partido.

Já o União Brasil (UB) vai apresentar os vereadores Diego Afonso e Professora Jaqueline, como candidatos a deputado federal e deputada estadual, respectivamente. Como o partido é resultado da fusão do DEM e do PSL, os primeiro suplente pelo DEM é o ex-vereador Everton Vanderley, seguida da professora Socorro Duarte.

Leia mais: Primeiro dia de sessão na CMM após volta das férias começa com mais de 20 ausentes
A vereadora Jaqueline, no entanto, foi eleita em 2020 pelo Podemos, que tem como suplente a professora Renata Moraes.

Já o vereador Amom Mandel (Cidadania) vai concorrer a deputado federal e poderá deixar a vaga para Roberto Sabino (PODE), já que mudou de partido durante o mandato, ou para Serginho Cardoso caso a vaga continue com o Cidadania.

Sassá pede que se ‘arrocha a peia’ em quem realizar festa clandestina em ManausFoto: Robervaldo Rocha / CMM
O vereador Sassá da Construção Civil vai concorrer a deputado federal pelo PT, que tem como primeiro suplente o delegado João Tayah. Já o vereador Raiff Matos tentará vaga na Assembeia Legislativa do Amazonas (Aleam) pelo DC, cujo primeiro suplente é Stones Machado.

Pelo Solidariedade o vereador Elissandro Bessa concorrerá a deputado federal e poderá deixar a vaga para Eduardo Saraiva. O vereador Peixoto concorrerá deputado estadual pelo Pros, ele foi eleito pelo PTC em 2020. Os possíveis suplentes são professor Alessandro (PTC) e Luiz Carlos do bairro da Paz (Pros).

Mais Lidas